Notícias
>> Artigos
03
Fev
2020
O Que é Metodologia Ágil e Quais os Seus Principais Formatos de Aplicação

O Que é Metodologia Ágil e Quais os Seus Principais Formatos de Aplicação

"A transformação digital está mudando a realidade dos negócios e, seja qual for a área de atuação da sua empresa, ela também está inclusa no processo de modernização. E é neste universo tão cheio de metamorfoses que uma nova forma de gestão de projetos vem se destacando em relação aos formatos antigos. Saber o que é metodologia ágil e os benefícios que ela pode oferecer é uma necessidade do mercado do novo milênio.

A crescente popularidade da metodologia ágil se dá justamente pelo fato dela se encaixar perfeitamente no atual momento do mercado mundial. O avanço tecnológico acelerado é propício para a implantação de um formato mais flexível, dinâmico e produtivo.

É aí que você se pergunta: mas afinal, o que é metodologia ágil? Não se preocupe! Neste post nós trazemos uma explicação bem simples sobre os benefícios desta filosofia, as formas mais comuns de aplicação e como você pode implantá-la junto à sua equipe.

O que é metodologia ágil?

A metodologia ágil é uma forma de acelerar a entrega de valor de um projeto ao fracioná-lo em entregas menores, atuando em times auto-organizados e fazendo uso da inteligência coletiva. Esta metodologia é muito utilizada em projetos de desenvolvimento de softwares, mas é bem-vinda em praticamente todos os casos. Ainda achou confuso? Então vamos facilitar através de um exemplo:

Imagine que você precisa de um carro para se locomover até o seu escritório, mas só poderá ter este veículo à disposição dentro de dois meses. O que é melhor: ficar este período esperando o carro chegar, inoperante, ou se locomover de ônibus, Uber ou até de bicicleta até que chegue o grande dia?

Um dos princípios da metodologia ágil é exatamente este. Ao invés de esperar que o projeto final esteja concluído e atuante para que seja entregue ao cliente, ele é dividido em etapas entregáveis. Assim, cada uma destas etapas já pode ser utilizada temporariamente, mesmo que não apresente todas as funcionalidades previstas no projeto completo.

Como surgiu a metodologia ágil?

O formato tradicional de desenvolvimento de softwares costumava ser mais ou menos o seguinte: levantamento e análise de requisitos; desenho da arquitetura; implementação; testes; produção e manutenção. Tudo isso era feito com a metodologia Cascata, ou seja, uma etapa só era iniciada depois da anterior ter sido inteiramente concluída. Mas esse método, apesar de estar correto, pode ser demorado demais e muito rígido.

Foi pensando em flexibilizar estes processos que, em 2001, um grupo de 17 programadores lançou o Manifesto Ágil. Pregando uma nova metodologia que preza pela rapidez e leveza, os profissionais se colocaram como oposição ao modelo burocrático do momento.

O que é o Manifesto Ágil?

São quatro os valores fundamentais do Manifesto Ágil:

  • "Indivíduos e interações mais que processos e ferramentas"
  • "Software funcional mais que documentação abrangente"
  • "Colaboração do cliente mais que negociação de contratos"
  • "Responder a mudanças mais que seguir um plano"

Vamos observar cada um deles um pouquinho mais de perto?

"Indivíduos e interações mais que processos e ferramentas"

A metodologia ágil valoriza mais a interação entre os membros de um time de trabalho do que os processos e ferramentas utilizadas. Isso desenferruja o andamento do trabalho, deixando-o menos rígido e abrindo espaço para a criatividade e para o trabalho em equipe.

"Software funcional mais que documentação abrangente"

Grandes empresas criaram o costume, com o passar dos anos e a necessidade constante de burocracias bem definidas, de escrever documentos extensos, repletos de requisitos detalhados em profundidade. O problema é quando nada disso é útil em momento algum. A metodologia ágil defende que, muito mais importante que uma documentação extensa, é preciso dar destaque ao funcionamento do produto.

"Colaboração do cliente mais que negociação de contratos"

Sejamos sinceros: o mercado mudou. Não é mais possível vender um produto tendo como base um escopo cheio de regras e meandros e entregá-lo pronto um ano depois. Para início de conversa, daqui a um ano os problemas do seu consumidor provavelmente não serão os mesmos. Por isso, a metodologia ágil coloca a colaboração em primeiro lugar. Os contratos se tornam mais flexíveis, os produtos são entregues de forma incremental e o objetivo final é sempre gerar valor para o cliente.

"Responder a mudanças mais que seguir um plano"

Ao invés de se focar num planejamento rígido e detalhado de tudo que deve acontecer, a metodologia ágil é baseada em abraçar as mudanças. Com isso, os ciclos de planejamento são menores e o trabalho é produzido aos poucos, parte a parte."

Fonte: https://conteudo.movidesk.com/metodologia-agil/?utm_source=google&utm_medium=cpc&utm_campaign=Search-DSABlog&utm_term=&utm_content=85994280473--b&gclid=Cj0KCQiApt_xBRDxARIsAAMUMu8cVa9dmEx5Mw_wvNdyrqImFHTe6U-1k1JnljVZCLgHFTVUu4kkDO0aAo3TEALw_wcB

Fábio Ricardo de Oliveira

Comente essa publicação